domingo, 2 de novembro de 2008

Pornochanchado

Yehhahhh OOOhhhhh Fu*****Hol***... nice...
bom, agora vamos ao que interessa ahaha. Você vai a missa? frequenta alguma igreja? tem um pastor preferido? alguma coisa do gênero, tipo, grau, modelo, Alexandre Frota, cor, sabor, textura? pois então, um pastor (não sei como tá agora...) da Igreja Universal do Reino de Deus (seja louvado), sim, um pastor, que nem esses de paletó no calor de 43º, suando que nem o comercial do desodorante Axe Seco



bom, retomando... esse mesmo !! de nome (artístico ou não) Alexandre Senna, pastor de pregar, fazer visitas e transmitir a palavra de Deus. Antes de sua profissão de Porn sexy star buttman, trabalhou como motoboy e pedreiro, como não deu muita coisa, resolveu fud*** tudo hahah literalmente mesmo...


Alexandre e sua esposa

Nossa equipe fuçou até nas falas, blocos, peças e grampeamos, até filmamos seus passos, confira:

— Vou ter que voltar a fazer pornô — disse para a esposa, a dona-de-casa Sibele Trindade, (será que ele deixaria ela fazer um pornô também?) com quem tem um casal de filhos pequenos.

— Se tiver que fazer, que continua a ser com homem — foi a condição imposta pela mulher, no final de 2005.

Foi assim que o pastor deixou as Escrituras de lado para voltar a atuar como astro do pornô gay — sempre na posição passiva, como Alexandre gosta de salientar.

E vem mais !! Ele gosta de se apresentar como: “o único ator heterossexual especializado em cenas de pornô gay passivo”.
Segue seu "profile" - 27 anos de idade, 8 de carreira (de ator e não ratátá), ele já foi penetrado em mais de 500 filmes (algém sabe se ele passou a noite costurando o * ?) ,realizados por cerca de 40 empresas (brasileiras, americanas e européias). Com o orgulho de um atleta gabando-se de um recorde olímpico, ele dá exemplos do seu talento franciscano para dar e receber:
— No filme “The King House”, eu faço uma cena de dupla penetração anal com dois caras superdotados [ele não está falando de inteligência, galera]. Sempre passivo. Um cara tinha uma jeba de 22 centímetros e o outro tinha 24. Também já sentei num cone de trânsito até a metade.

Apesar da mulher não gostar da carreira dele, a fama, luz, flash, ação, e $$$$$$ tem sido mais forte do que o marido mudar de trabalho. Em algumas apresentações do marido, além dos filmes, ela frequenta o shows e ainda "dá" dicas para ele melhorar sua performance! E o melhor, ele afirma que gosta da profissão e que considera como um trabalho normal, assim como o seu !

2 comentários:

Braulio Melo disse...

ele queria naxoxota, mas como não tinha foi nabunda mesmo

Thays Lima disse...

srrsrsr
Muito bom seu blog!
Gsotei!
bjuuuu t+++