sábado, 25 de outubro de 2008

Arrumando o ar condicionado

Não sei o por quê de tamanho alvoroço dos jornais londrinos, quando o DailyMail mostrou a imagem de um Russo arrumando seu ar condicionado. Aí que lembrei que na Bretanha os trabalhadores não podem ficar no telhado de uma casa ou apartamento sem o devido andaime, bem como, com a devida aparelhagem de escalada, seguindo as regulações de segurança.

Porém, estamos na Russia e os homens são livres, tão livres que podem arrumar seu aparelho no 16º andar de seu apartamento, simplesmente se dependurando no aparelho pela janela. Mas e a rede de proteção? Ha Ha, elas são descartáveis por aqui!

Vocês podem acreditar nessa modalidade vendo a foto abaixo. Quando o jovem, usando apenas shorts, simplesmente se lancou da janela para arrumar seu aparelho doméstico:



Eu ignoro a queda dos adeptos dessa técnica de conserto de ar condicionado por motivos óbvios. Faço simples cálculo matemático de proporcionalidade:



Partindo da análise, temos que um jovem tolo desses, espatifado no chão vale muito menos do que todo o gás carbônico jogado na natureza pelos aparelhos russos "ultramodernos". Isso é de fácil percepção:

jc(x) ¡ 1j = 1 ¡ cos2 x /1 + cos x ·sen 2x/1 + cos x · 2x2/ 2 + p2; para todo jxj ·¼ 2

Não entendeu? Para x= um russo espatifado no chão, pela queda brusca e movimento retilíneo uniforme até o ponto final, temos numa base de probabilidade de 1 para 434322: duas pessoas atingidas ou um cachorro amassado. Já se adotarmos x= Um ar condicionado funcionado, temos uma função básica de 24 horas por dia de emissão poluidora de gases do aparelho, que mensalmente equivale a 34 pulmões parcialmente danificados.

Voltando as imagens e fatos, temos a frequência da adoção dessa técnica em vários locais do mundo. Na própria Inglaterra temos o exemplo desse cidadão, que através de um planejamento ávido termina sua construção:


Na região do Cairo - Egito - também tivemos um exemplo do mesmo patamar russo, porém, com uma técnica inusitada. Nessa 'aparente inovação', um jovem é segurado pelas suas pernas, dependurado, para arrumar a unidade do ar condicionado (foto ao lado). O contraste não só me lembra as perspicácias do Jardim do Éden, bem como as Olimpíadas de Pequim 2008.

Voltando a toda a polêmica da Inglaterra, no guia de Saúde e Segurança está estipulado que 'trabalho feito em casas com mais de dois andares, necessariamente, precisa ser feito utilizando andaimes e quando estiver subindo uma escada, três partes do corpo devem estar em contato com o objeto, o tempo todo'.

Oh my, eu me irrito com todo esse sistema normativo Britânico. Well, adeptos do novo modo de conserto, tomem cuidado com a agência de segurança, já que ela está, de acordo com alguns, banindo quase todo o tipo de serviço e coisas, como por exemplo: usar havaianas no trabalho, dias de esporte, tricotar em hospitais, etc...

Fonte: DailyNews

3 comentários:

Roberto Sandoval disse...

Caralho Keyser!
Seus cálculos são do capeta!

Aline disse...

Essa parte de você me dá medo O.O

Gustavo disse...

Da série "I see dum dead people".